Varanda














Da varanda do tempo vi a vida passar,
passou a tristeza,
passou tempestade e noites de luar,
um dia passou um arco-íres e convidei pra entrar,
pois sabia que no fim dele
você estava lá...



* Foto da amiga Luciana http://instagram.com/lrpr

Insônia

As vezes me vem uma saudade
profunda do que ainda não vivi,

As vezes me vem uma vida
que não deixará saudada nenhuma,

As vezes simplesmente vivo,
até que a saudade retorne com o amanhecer...
Não, eu não deixei de ser poeta, 
só deixei um pouco de escrever poemas 
pra viver mais intensamente 
a poesia de ter a mulher que eu amo...

Borboleta

E a lagarta se fez bela
e ganhou o direito de voar,
e voou para a vida seguir,
e voou para a vida enfeitar...




* Foto de Márcia Carpinelli

Até onde a vista alcança


Pra que tanto mar?
Pois se até onde minha vista alcança
não encontro a paisagem do teu olhar.
Pra que tanto mar?
Pois por mais que nele eu navegue,
não aporto no porto seguro do teu abraço.
Pra que tanto mar?
Pois nem toda essa água contida
mataria a sede de estar contigo agora.
Pra que tanto mar...

Rochas sábias

Tento aprender com as pedra
de beira mar,

passam os dias surradas pelas ondas,
se desgastam lentamente
com essa rotina bruta,

mas estão sempre lá, firmes, sólidas, 
um sofrer compensador, 
posto que se recompensam sabiamente,
com o contemplar infindo
da beleza do mar...

Imaturidade

Quem vive pensando que já sabe tudo é porque ainda não sabe nada, a vida nunca vai caber na indexação do Google, ela é muito maior que a capacidade humana de medir...

Encontro








As angustias aos poucos vão se transformando em sorrisos, 
as lágrimas tristes da incerteza agora exprimem 
a felicidade da tua presença real na minha vida.
É doce ir te descobrindo aos poucos, 
te encontrando a cada segundo, 
te achando a cada sorriso, 
e cada vez mais 
te amando a cada vida...

Acordando II

Acordo agora de um grande pesadelo 
e me reencontro no porto seguro de teus braços, 
renasço das cinzas que cobriram minha vida 
e me reconstruo com a tua alegria, 
me solidifico com a força do nosso amor, 
amor que ainda é verde, 
mas já tem a maturidade da compreensão 
e a sabedoria ganha com as cicatrizes 
                                                     deixadas pelas batalhas de nossas vidas...

Troco

Se me atiras pedras, 
revido com flores,
se me queres triste, 
rogo por tua felicidade...

Acordando...

E lá estava eu,
pedra rude e áspera
úmido de lágrimas;
E lá estava eu,
fundido em minha desesperança,
sorrisos esgotados, 
sonhos nulos;
E lá estava eu,
buscando saídas inexistentes,
esgotando as chances que não tinha mais;


E lá estava eu,
já morto dentre da vida que me restava,
mas surgiu você,
e fez-se o verbo amar em todas as seus conjugações,
e hoje estamos nos,
e o nosso amor infindo,
e aquele eu que lá estava,
agora não está mais...

Saudade II

Um dia desses vou acabar morrendo,
essa saudade me consome as forças,
me dilacera as alegrias,
Um dia desses vou acabar morrendo,
mas não me importo,
porque sei que me ressuscitaras
com o teu amor...



Pensando melhor,
acho que vou acabar morrendo mais vezes um dia desses,
só para ter mais vezes a felicidade de reviver da força do teu amor...


Novamente o dia...

E eis que chegou novamente o dia de voar aos teus braços,
novamente o dia de meus olhos pedirem perdão aos teus 
por não teres visto as mesmas paisagens que vi, 
novamente o dia de aquecer o frio dessa saudade 
que nos congela até nos dias mais quente,
eis que chegou novamente o dia de falar de amor 
apenas com toques e suspiros,
novamente o dia de nossas bocas degustarem nossos sabores,
sincronizarmos nossas batidas cardíacas e a frequência respiratória,
eis que chegou novamente o dia sentir a plenitude desse nosso amor...

As vezes o amor (As vezes...II)

As vezes os sonhos se desconstroem
sem que tenhamos o poder de evitar,
as vezes os projetos de felicidade parecem impossíveis,
as vezes os versos só querem brotar amargos,
as vezes as lágrimas são impossíveis de segurar,
mas as vezes o amor vem e tudo cura...


As vezes o tempo insiste em não passar,
as vezes o passado nos volta para maltratar,
as vezes o futuro parece distante para alcançar,
as vezes as lágrimas são impossíveis de segurar,
mas as vezes o amor vem e tudo cura...

As vezes acertamos em evitar,
as vezes erramos em não tentar,
as vezes devemos aceitar as dores como ensinamentos,
as vezes as lágrimas são impossíveis de segurar,
mas as vezes o amor vem e tudo cura...

As vezes eu detesto essa distância que nos separa,
as vezes descubro que ela não existe,
as vezes a saudade dói mais do que posso suportar,
as vezes as lágrimas são impossíveis de segurar,
mas as vezes o amor vem e tudo cura...

As vezes o amor vem e me cura dessa tua ausência
e nas vezes que o amor vem
que fique pelo menos para sempre...

Pra que Paris se tenho você aqui?

Há um bom tempo eu planejava que hoje dia 19 de outubro de 2011 eu estaria em Paris para comemorar meus cinquenta anos, fiz até uma pequena programação de como seria o meu dia na cidade luz nesta data importante da minha vida.
E por que Paris? Porquê para um romântico assumido como eu não haveria lugar mais inesquecível para passar esse dia, uma cidade cheia de lugares românticos e inspiradores, uma cidade onde a história da humanidade por centenas de vezes registrou fatos importantes, enfim, uma cidade perfeita para se 


registrar a virada do meu "primeiro" meio século de vida.
Mas a vida não aceita planejamentos, ela é muito mais dinâmica que os sonhos, e depois de virar meus planos do avesso a vida me mostrou que todas as luzes de Paris não tem a menor importância, que todo o romantismo inspirador da cidade não fariam o menor sentido sem a presença da mulher que eu amo. A vida me mostrou que meus planos estavam em parte errados ao pensar só em Paris.
Para que ir à Paris se tenho todas as luzes da vida no seu olhar?
Para que o romantismo inspirador de Paris se nos teus braços sou o mais feliz dos homens e me cobres com carinhos que poucos na história tiveram a sorte de viver?
Pra que Paris se tenho você aqui em Uberlândia?
Sei que agora alguns vão lembrar da velha fábula da raposa e as uvas, mas posso garantir que as uvas não estão verdes, o nosso amor é maduro e sem medo de errar afirmo que esse é o melhor aniversário que já passei na vida, mesmo não estando em Paris.
Te amo muito e obrigado pela vida que me deu de presente meu amor.

19.10.2011

Mantendo viva a criança que fui...

Ainda guardo em mim a imagem inalterada da criança que fui, as linhas do tempo já traçaram uma nova face, mas ainda tento preservar preservar os mesmo sonhos de ser feliz. Já não existem as fantasias lúdicas do papai noel e do coelho da páscoa, mas consigo manter a esperança e as vezes até a certeza que o melhor da vida é brinca de ser feliz, e pensar sempre, que podemos até nos entristecer com o brinquedo que partiu, mas nunca perder a esperança que no dia da criança a vida nos dará um novo, muito mais encantador que aquele que quebrou ou que se perdeu no fundo da caixa do tempo...
*12/10/2011

As vezes...

As vezes os acontecimentos reais tem gosto de sonhos doces,
as vezes o amor nos torna aves que voam sobre o mar infindo,
as vezes voar é pouco e sonhar não é o bastante,
as vezes a tarde ouso a lembrar tudo que ainda não fizemos,
as vezes as lágrimas da saudade lavam meu sorriso,
as vezes eu te amo mais que tudo,
nas outras vezes também...

* E você ainda acredita no amor II

E você ainda acredita no amor quando numa tarde quente de primavera, desembarca de um avião e ela está lá te esperado num estonteante vestido com todas as flores da estação,
um sorriso que prolonga infinitamente o dia
e um olhar de saudade que te faz o coração sair pela boca.
E você ainda acredita no amor quando se aproxima dela e descobre que aquele calor que sentia não vinha
do sol mais sim daquele corpo sedento do seu.
E você ainda acredita no amor quando descobre que só voou de verdade depois que beijou aquela boca que contém todos os sabores da felicidade.
E eu vou sempre acreditar no amor,
porque você existe na minha vida...

Este texto é inspirando num texto de Brena Braz

Não mais saudade...

E a primavera chegou
com mais cores do que nunca,
todas as certezas e alegrias
que semeamos no outono
não param mais de brotar,
o frio da solidão aos poucos se aquece
com o florescer da felicidade,
que se torna cada vez mais constante
e intensa.

E o domingo se faz presente agora,
e também a saudade,
mas amanhã será segunda
e não mais domingo,
e não mais saudade...

Fim da escuridão...

E a tempestade passou,
não haverá mais as sombras,
não haverá mais os medos,
não haverá mais a infelicidade,
uma nova vida nasceu hoje com todo seu esplendor,
e vou zelar por essa nova vida com todo o meu amor...

Te amo muito! 

O poema se completa...

Seria apenas mais um sorriso
se não houvesse aquele olhar,
seria apenas mais um olhar
se não houvesse aquele amor,
seria apenas mais um amor
se não houvesse você

Seria apenas mais um sonho
se não houvesse a sua decisão
seria apenas mais uma decisão
se não houvesse a sua coragem
seria apenas mais um amor
se não houvesse você

Seria apenas mais um lindo projeto de futuro
se não houvesse o nosso amor...

Te amo muito e estou muito
orgulhoso da sua grande vitória \0/

Transformações...

Um dia me descobri juntador de palavras,
juntava verbos tristes,
fazia rimas amargas,
mas o mundo girou e surgiu você,
então as cores foram voltando ao meu coração,
os verbos ganharam a luz do teu sorriso,
as rimas adoçaram com teus carinhos,
e de juntador de palavras me tornei poeta,
agora sempre junto contigo podemos
escrever esse lindo poema de amor
que transformou as nossas vidas...

Liberte-se

Tens as asas,
tens a oportunidade,
te resta fazer a escolha,
antes que as asas atrofiem,
antes que a oportunidade passe...

Passará...

Existe um amor verdadeiro,
existe um sonho doce de paz,
existe um projeto de felicidade duradouro,
existe a certeza que não haverá recuos,
mas existe também um passado
que insiste em não aceitar que passou,
mas passará...

Amor crescente...

Hoje é o primeiro dia de mais um mês,
hoje também é dia de descobrir que
te amo mais ainda do que ontem.
E amanhã?
Amanhã se dará tudo outro vez,
sempre te amando mais a cada dia,
ou talvez tentando compensar
tudo que não pude te amar ontem...

O amor?

Muitos poetas tentaram, mas nenhum conseguiu de fato descrever o que é o amor. O amor não existe para ser descrito em versos ou em prosa, o amor existe para ser vivido em todos os sinônimos possíveis do verbo viver. E é assim que tento viver o amor, navegando entre as variantes do sentimento, que vão da suavidade de uma brisa de noite de luar aos ventos devastadores de uma tempestade de verão, da música metálica de uma banda de rock ao som celestial de um violino executando uma sonata de Bach, de um sorriso inocente de uma criança ao ar da satisfação do orgasmos da mulher amada, o importante não é descrever o amor, o importante é apenas se entregar a ele e ser feliz. E o que importa é que te amo e que me amas também, e juntos vamos deixar esse amor descrever as nossas vidas...

É sim...

E não é que hoje é domingo,
e não é que você conseguiu chegar até aqui,
e não é que não tenha havido dores,
mas as alegrias vão prevalecer,
e não é que hoje apesar da chuva que cai lá fora,
eu consigo ver um lindo sol no nosso céu,
e não é que você foi feita pra mim,
e não é que eu fui feito pra você,
e não é que nos encontramos,
e não é que existe esse nosso amor,
e não é que chegamos até aqui,
e não é que hoje é domingo,
e amanhã também sempre será...

Das cinzas para a vida...

Quando os castelos que pareciam indestrutíveis desmoronam, pensamos que nada nos sobrará, que não haverá mais perspectivas de uma vida nova.
Eu vivi tudo isso, passei por todos esses momentos de desespero e angustia e nesses momentos de dor, uma pessoa iluminada me amparou, me fez ver que a vida pode continuar sim, e também me mostrou que não precisamos de castelos para ser felizes, basta ter um jardim de sorrisos onde sempre é primavera, e que devemos cuidar desse jardim com zelo e sempre semear amor que a felicidade vai brotar eternamente.
Hoje é um dia muito especial pra nos, estamos vendo o primeiro broto do nosso jardim surgir da terra arrasada por todos as tristezas, e logo esse pequeno broto será uma flor que terá o perfume da liberdade, as cores da felicidade, e quando madura a brisa do nosso amor vai espalhar as sementes por toda terra triste e ai nosso jardim estará todo formado cobrindo toda as tristezas que vivemos... Te amo muito, e vamos ser muito felizes juntos cuidando do jardim da nossa vida. Obrigado por iluminar a minha vida com a sua existência.

Feliz por ter você.

De ímpeto os meu lábios ficaram pequenos
para caber o meu sorriso,
o mundo ficou minúsculo para caber minha alegria
e a vida se tornou muito curta para aproveitar
toda a felicidade que você me trouxe
quando diz que me ama...

Eu também te amo muito,
amo mais do que um dia
imaginei ser capaz de amar...




Renascendo...

Nesse primeiro semestre que acabou passei por mudanças radicais, praticamente minha vida virou do avesso; o fim do meu casamento, perda do meu pai e mais algumas dezenas de coisas ruins, mas também houveram coisas muito boas e algumas maravilhosas como o afloramento do grande amor que estou vivendo, um encontro com a minha verdadeira metade que passei tanto tempo procurando.
Depois de todas essas mudanças esse é o primeiro fim de semana que estou sozinho no canto que finalmente consegui pra morar (ainda meio provisório), mas estou feliz pela paz que plantei no lugar, estou feliz por ter meus horários, minhas coisas, meu tempo; mas ainda falta muito para estar completamente feliz, ainda existe um grande vazio não preenchido que é a ausência física da mulher que eu amo.
Apesar dela estar completamente presente em meu coração e em cada segundo dos meus pensamentos, eu ainda não tenho o seu calor diário para aquecer o frio da minha solidão e nem os seus lábios para dividir comigo todas os sorrisos das minhas alegrias, mas continuarei lutando para logo preencher esses vazios porque sei que o nosso amor é verdadeiro e definitivo...

Raízes profundas...

Hoje penso que seria melhor ter nascido um técnico ao invés de um poeta,
os técnicos fazem cálculos precisos sobre os resultados futuros,
buscam o melhor rendimento, a melhor vida útil,
encontram sempre as medidas certas para um resultado feliz
não importando os meios necessários para isso...
E nós os poetas?
Somos eterno sonhadores,
sorrimos quando a luz brilha sobre o nosso caminho,
estamos sempre a espera que amanhã teremos a continuidade
dos nosso doces versos de amor;
mas na vida nem tudo é poesia,
as vezes ela nos pede para sermos frios e calculistas,
objetivos e retilíneos,
e nisso não existe nada de poesia,
e é ai então que a nós os poetas,
só resta o sofrimento,
a desesperança e a amargura;
pelo menos até que encontremos novamente,
uma nova flor brotando no caminho,
perfumando o nosso ar e colorindo o nosso horizonte,
e de pronto nascem novos versos,
novos sonhos, novas esperanças,
e nesse furor pela flor não percebemos o quanto são fortes as suas raízes,
e o quanto será difícil tê-la colorindo o jardim de nossa vida,
mas afinal somos poetas e não vamos desanimar de pronto,
vamos continuar sonhando, esperando,
e escrevendo novos versos de amor que narrem toda as dificuldades
que nós os poetas temos para encontra a felicidade...

* * *

"A poesia tem comunicação secreta com o sofrimento do homem."
(Pablo Neruda)

Saudade

Por mais que esteja vivo em minha memória
cada segundo de tudo já que passamos juntos,
não consigo reprimir a angustiosa saudade que sinto de ti agora,
teu gosto insiste e não sair da minha boca,
ainda sinto forte o teu cheiro no meu corpo,
e me glorifico com essas lembranças de ti,
e o que fazer com esse sentimento que me pressiona o peito,
e faz as lágrimas escorrerem da alma,
inibindo qualquer esboço de sorrisos nos lábios...
Mas que mal existe em chorar de saudade?
Mal seria chorar por perda,
e saudade não é perda,
saudade é vontade de viver tudo outra vez,
e assim sempre será...

A quatro mãos II

*A primeira parte é da minha amiga Amanda Lima
e segunda parte foi um complemento
que comentei no seu lindo 
blog.

Era uma vez eu.
Era uma vez um amor.
Era uma vez ele.
Era uma vez, nós.
Era uma vez um futuro.
Era uma vez uma grande, bonita e apaixonante história de amor.

Era uma vez a juventude,
Era uma vez as certezas incertas,
Era uma vez a esperanças,
...mas o futuro não era uma vez, ele será!

Oferenda II

Hoje eu queria te oferta
com uns versos,
mas melhor que isso,
hoje eu te oferto a poesia
que virou a minha vida,
que renasceu com todo
esse amor por você...

Poema completo

Seria apenas mais um sorriso
se não houvesse aquele olhar,
seria apenas mais um olhar
se não houvesse aquele amor,
seria apenas mais um amor
se não houvesse você...

Feliz dia dos namorados!

12/06/2011
Andei pela vida juntando palavras que achava ser um poema,
tive a sorte de acertar algumas e escrever o grande verso que é meu filho,
mas a vida sempre me parecia incompleta,
os meus sonhos algumas vezes me pareciam impossíveis;
mas apesar de todos as dores que vida me ofertou eu sempre fui otimista,
e continuei procurando as palavras certas para o meu grande verso,
e no meios da grande tempestade de dores e erros em que vivia,
um dia o céu se abriu e lá estava você,
com as cores, o aroma, o sabor, o calor
e a doçura que eu procurava,
lá estava você, o verbo mais perfeito que faltava para completar
o poema da minha vida.
Agora já não sou mais um juntador de palavras,
agora posso me considerar um poeta
pois já consegui juntar todas as palavras que sonhei,
e contigo escrever os mais lindo poema de amor,
o poema das nossas vidas,
agora juntas.

Te amo muito.
Feliz dia dos namorados meu amor!

Se eu morrer amanhã

Se eu morrer amanhã,
que eu morra antes de você,
pois se você morrer antes de mim,
só me restará morrer amanhã...

Simplesmente porque te amo

Sei que a doçura e o fervor
da paixão inicial amenizam com o tempo,
mas replantarei meu amor diariamente,
pra que ele seja sempre doce
e intenso como agora...

No caminho certo

A vida é sempre cheia de surpresas e oportunidades, não podemos ficar desatentos senão corremos o risco de perder o trem que nos leva direto à felicidade. As vezes pensamos que estamos no trem certo e a tal da felicidade nunca chega, ai cabe ficar atento para na próxima estação mudarmos para o trem certo.
Eu demorei para perceber que estava no trem errado, mas nesse outono embarquei finalmente no trem certo, e a viagem nem começou direito e já posso sentir a felicidade chegando, já percebo que as nuvens cinzas aos poucos vão ganhando cores e um lindo arco-ires vai ser formando e mostrando que no final dessa estrada a felicidade me espera com um sorriso nos lábios, um brilho iluminado no olhar e um coração que toca sempre bem alto as doces notas musicais do amor.

Racionalizar VII

Não se aborreça quando digo que te amo,
porque te amo mesmo aborrecida.
E se te aborreço te amo mais ainda,
pra compensar o dolo causado.

*******

É sereno morrer de amor,
porque o mesmo amor que mata é amor que cura,
e quando cura revivesse grandiosamente nesse amor.

Fervuras I

O beijo é a melhor das ginásticas,
além dos sabores contidos ainda tem o anabolizante natural da saliva
que enrijece as carnes inferiores

*******

Te quero assim sempre molhada de prazer,
facilitamos o roçar das carnes
e entrelaçamento dos membros,
te quero sempre assim em chamas...

*******

Gosto de amar até quando a carne arde,
depois o analgésico da saliva tudo sara,
e fica apenas o aroma do prazer entorpecendo o ar.


*******

Deixe-me sentir teus lábios úmidos percorrerem as minhas partes,
deite seus desejos sobre os meus
e joguemos o jogo da cumplicidade de amar


*******

Tomo-te agora tuas vontades e as faço minhas,
serei parte de ti e serás de mim por quanto durar
esse jogo de encontros e preenchimentos.

Mas tar que vo!

Se eu fosse o Guimarães Rosa, eu diria: 

Oce acha memo que eu so de disistir,
e vortar pra de trás na primeira portera fechada
com as arama farpado?
oce nem carcula quanta porteira já cruzei
pra chegar até nestas paradas,
teve portera com espinho de veneno,
teve portera com toro brabo que só a peste,
teve de até portera com os tar de fantasma,
mas num tive medo não,
vim que vim tocando minha mulinha capenga...
In justo de angora que to de aqui,
veno esse plantio ai todo frorido,
cheiresa feito fruita de vez,
to de até veno uma cocheira de ribeirão
tocando as musicas nas pedras de barranco,
e de tem passarinho e tudo avuando
ao redor dessa furmusura que tu é,
eu veria mermo de desistir e picar minha mula pa ortro lado?
Mas tar que vo!
Vo é de ficar aqui aprumado,
esperando minha parte de hora de cruzar essa portera,
num to avechado não,
pode de ser mais umas quarenta e nove invernada,
que espero sem vechame.
Oia só, vou de tar quase que pela hora da morte ontonce,
mas vou de ter uma morte das danada de boa,
pois ai oce vai ta no meu lado,
falano que se afeissoa deu,
e ai vai ate de te valido a pena esperar,
porque oce é a única fartura que esse caipira quer levar da vida,
e já te teno na morte,
eu vai que vai contente
pro encontro da minhoca das de baixo da terra...

DUAS

Dois corpos macios
Duas cabeças iguais
Momento de sublime beleza
Mágica inusitada
Hormônios exalando pelo ar
Sinônimos encontros
Aulas de prazer

Descobertas de pontos
Desdobramentos do igual
Suaves entrelaçadas
Prazeres evidenciados
Deusas venerando-se

Suaves movimentos
Íntimos momentos
inexcedível ensinamento
Aula do prazer
Igual não há.

Vazio

Hoje eu acordei cedo como de costume,
mas como de costume o senhor não estava lá acordado na sua cama lendo o seu jornal,
então, por um momento pensei que já estaria na cozinha tomando seu café bem adoçado
como sempre gostou, mas também não pude achá-lo por lá;
ainda com esperanças pensei: ele foi a portaria do prédio buscar sua revista semanal,
mas ai, para o meu desanimo encontrei a revista ainda embalada sobre a mesa da sala.
Só então meu coração começa a entender que tudo não foi só um pesadelo da noite anterior, que tudo infelizmente aconteceu de verdade, comecei a ver que agora os seu lindos olhos azuis não estarão mais aqui iluminando o nosso caminho...
Mas tenho certeza que toda a sua missão foi cumprida com louvor,
com muito zelo, e com muito amor por todos nos.
O senhor meu amado pai, mesmo não estando mais presente em corpo,
estará sempre presente nos nossos corações, em cada segundo das nossa vidas;
vidas que o senhor ajudou até o seu ultimo respiro
construiu com todo o carinho e dedicação do pai maravilhoso que sempre foi.
Te amo muito meu pai.

22/05/201

Racionalizar VI

Se não cheguei antes é porque estive por ai gastando os erros
que temos que cometer na vida e apreendendo com eles,
para agora só cometer acertos com você...

*******

Tivemos as vidas separadas e ao mesmo tempo tão iguais,
fizemos escolhas erradas mas nunca é tarde pra um recomeço,
e ainda temos muito tempo pra isso...
Separados sofremos as mesmas dores por muito tempo,
acho que agora já é hora de rimos juntos das mesmas alegrias...

Recomeço

Hoje fez uma semana que meus olhos viram os teus pela primeira vez,
que meu corpo pode se abrigar no calor do teu carinho,
que meus sonhos passaram a ser reais e ter gosto, aroma, e textura;
hoje só faz ma semana que me reencontrei com a delicia de estar vivo,
só faz uma semana que as luzes passaram a iluminar todos os caminhos
que nos levaram para felicidade,
e cada segundo de tudo que aconteceu
dali em diante virou um doce filme que se repete sem parar
em todos os momentos do meu dia,
e será assim para sempre...
Agora essa saudade que maltrata vai me fazer voltar logo,
e reviver tudo novamente,
cada vez com mais intensidade,
cada vez com mais amor...

Descobertas

Eu passei anos da minha vida afirmando não crer em divindades
ou nas forças inexplicáveis do universo, mas agora,
quando me deparo te amando loucamente,
recebendo o teu aceite desse amor, e mais ainda,
recebendo a reciprocidade infinita do teu amor;
passo a crer que só uma força divina é capaz de tanta generosidade com um seu criado.
Te amar e ser amado por você me tirou da sombra da descrença,
me mostrou que a vida apesar de todos os problemas que enfrentamos diariamente,
pode ser sempre doce e feliz, como está sendo pra mim agora.
Nosso amor, é amigo, é cúmplice, é moleque,
nos faz rir até dos nossos erros e das nossas desgraças, é mágico,
é iluminado, é doce, é quente e inesgotável.
Te amo muito menina bonita,
e tenho a certeza que esse nosso amor
vai durar por quantas vidas tivermos.

Racionalizar V

A felicidade as vezes pode está a quilômetros de distancia,
mas quando queremos alcançá-la
criamos asas e voamos até ela...

Eu voei e estou muito feliz \o/
14/05/2011

*******

Eu espero que essa não seja a unica vida que tenho pra viver,
mas se for eu espero que seja longa para sempre te amor,
e se outras vidas eu tiver a sorte de ter,
eu sei que também vou te amar, cada vez mais,
e por quantas vidas eu tiver a sorte de ter,eu sei que vou te amar...

(Perdão Vinicius, mas acho que o meu momento cabe brincar com o seu poema)
13/05/2011

Racionalizar IV

Amor dado é a única forma de se pagar amor recebido,
isso se quantifica progressivamente,
quanto mais amor você dá,
mais amor você recebe,
mas não é por isso que eu te amo tanto assim,
te amo porque te amo,
e isso já me basta.
Mas se por sorte me amares também,
a vida fará todo sentido,
será mais doce,
terá mais cores,
ter a sorte do teu amor,
é verso mais belo
que a vida pode escrever pra mim...

Oferenda (narrado)

Essa narração de meu verso foi um presente carinhoso de minha amiga Lô Boelter.

Clique aqui para ouvir.




Racionalizar III

Será que sou poeta?
ou apenas sou um juntador de palavras doces?
não quero usar a demagogias das palavras
para conquistar corações,
quero apenas ser um poeta que fala de amor,
quero poder dizer 'eu te amo' de forma simples,
onde a poesia da frase estará na verdade que ela representa...

*******

Como arquiteto já construí grandes castelos,
mas erguer o meu próprio castelo de sonhos
é uma tarefa difícil,
as rochas que a vida me oferece
são muito duras...

*******

A felicidade as vezes pode está a quilômetros de distancia,
mas quando queremos alcançá-la
criamos asas e voamos até ela...

Oferenda

Eu poderia te ofertar com rosas, orquídeas e tulipas,
mas as flores apesar de belas, perfumadas e inspiradoras,
com o tempo secam, perdem o perfume e a cor,
eu poderia te ofertar uma jóia feita com pedras raras,
mas ela apesar de valiosa não tem vida,
eu poderia te ofertar tantas coisas que o trabalho compra,
que com vontade se alcança,
eu até poderia te fazer uns versos cheios de palavras doces,
mas são todas insignificantes diante do que você merece,
são ofertas que se dispersam com o tempo.
Então achei melhor te ofertar
com o bem mais insolúvel que posso te dar,
resolvi te ofertar apenas com o meu amor,
que de início pode parecer pequeno e pouco valioso,
mas se regares com teu aceite ele será grandioso,
e dele brotaram as flores mais belas,
as jóias mais raras,
os sonhos mais impossíveis,
os os mais lindos versos.

Entrega

Se me queres curvo,
me curvarei a ti,
Se me desejas a carne,
se alimente do meu corpo,
Se me queres doce,
serei sempre teu poeta...

Racionalizar II

Que dos erros eu tire o aprendizado
Que das dores brotem novos sorrisos
Que as mágoas se transformem em perdão
Que da destruição surja uma nova vida
Que assim seja o amanhã...

Guimarães Rosa disse a mesma coisa assim:
"O mais importante e bonito do mundo é isto:
que as pessoas não estão sempre iguais,
mas que elas vão sempre mudando.
"

Quatro queijos com gorgonzola.

Estou assistindo o letreiro final de um filme que durou 23 anos, e no meio de todas as dores que esse momento provoca ontem descobri a pior delas.
Olhei no espelho e descobri que não sei mais quem sou eu, descobri que não tenho mais identidade própria; depois de tanto tempo junto com a mesma pessoa as vidas se fundem, os gostos, os desgostos, os horários, os sabores, a vida passa ser uma troca, vamos cedendo aos quereres da parceira e vice versa...
Me deparei com uma realidade que não imaginava que iria encontrar, minha cabeça entrou em parafuso, agora preciso me reencontrar, preciso buscar quem era esse eu que se perdeu ao longo desses 23 anos, preciso voltar a comer pizza de quatro queijos com gorgonzola que a mais de 15 anos não como por ceder só aos sabores que agradavam a parceira, preciso redesenhar o meu caminho, preciso redescobrir minha vida, preciso voltar a ser quem um dia eu fui...se é que um dia eu fui.

Eu?

Nasci paraense,
já fui mineiro do norte,
depois mineiro do sul,
já fui até cearence,
depois fui paulistano,
santista caiçara,
as vezes sou caipira,
outras sou suburbano,
finjo ser cosmopolitano,
mas no fundo mesmo
sou é brasileiro,
de espírito meio baiano,
estrangeiro fora daqui,
viajante quando a seguir,
mas quando o coração aperta,
pega a reta de casa
e de pronto viro poeta...

Racionalizar

ANÚNCIO: Vendo ou troco dores das que rasgam o peito
e destroem a alma, estão com bastante uso mais ainda
são fortes para causar muito sofrimento em quem necessitar.
Troco por uma pequena porção de paz ou por uma gota de esperança...

****

Como sonhar se não me restam esperanças,
não mais chorar pois não me restaram lágrimas,
e como seguir quando não me restam caminhos...

****

Conhecer é um verbo infindo,
ninguém conhece ninguém,
o êxtase estar em ir se descobrindo ao longo da vida,
um pouco a cada segundo...

Dias ruins

Tem dias que o amor transpõem
as barreiras dos sentimentos suportáveis,
tem dias que os olhos sangram lágrimas de saudade...
Tem dias que o melhor era não acordar,
posto que os sonhos eram doces e o acorda amargo...
Tem dias que os dias passados são saudade,
e os dias futuros são desesperança...
Tem dias, que pensar é doloroso,
e que sonhar é improvável,
e viver é só o que me resta...
Tem dias que isso tudo passa,
ou passo eu...

Solidão

As vezes a solidão me abate,
me corroê o sorriso,
me molha os olhos,
fraqueja a esperança...
As vezes a solidão me apavora,
me enlouquece,
me instiga a desistir de tudo...
Mas tem vezes que a solidão me é companheira,
me consola, me liberta...

Amor maior (meu filho)

Do verbo amar nasceu o fruto,
fruto que virou poema,
que virou música,
que virou alegria,
que virou continuidade,
que virou minha vida...

Prefiro as flores com espinhos

As encantadoras flores com espinhos?
É preciso se ter cautela para não se ferir,
e também não se deve quebrar os espinhos e ferir a flor.
Também não cabe cortar o caule que lhe faz viva,
contorne os espinhos com carinho,
e só ai então a terás em todo o seu esplendor de flor.
Seja sempre um jardineiro carinhoso,
regue diariamente com um sorriso,
adube com generosas porções de afeto,
e sempre lhe de abrigo nas geadas fria.Agindo assim essa flor sempre será bela e perfumada,
e principalmente sempre será só sua.Mas sua não no sentido de posse,
mas no sentido de troca,
ela te dedicara seus melhores perfumes,
e as suas melhores cores.As encantadoras flores com espinhos é que escolhem você,
por mais que você pense que a escolheu...

Pobre poeta...

Sou só um pobre poeta e não tenho posses pra te oferecer,
mas tenho um céu de carinhos
pra te fazer luar nas tuas noites tristes,também posso te dar um mar de encantamentos
para que navegues todos os teus sonhos.Sou só um pobre poeta
e não posso te ofertar o palácio que mereces viver,
mas sempre estarás abrigada dos males da vida
com todo o amor que dedico a ti,
e mais tarde,
quando teu corpo já estiver cansando da vida,
poderás até usar o meu corpo como hospedaria
na continuidade do teu caminho.
Sou só um pobre poeta sem posses,
que tudo que sonha na vida é ter o poder de te fazer feliz.

Vício em ti

Os caminhos confluíram,
e tivemos o nosso encontro
Estavas lá, sem as vergonhas impostas,
visão divina de meus melhores sonhos.
Demorei a crer que era real,
posto não me ver com méritos para tê-la.
Mas te tive.
E te tive como não tive a nenhuma outra.
Vivemos todos os versos carnais,
e não esgotamos nossas vontades.
E ficou o vício em ti,
vício esse que só ameniza te tendo cada vez mais.
Agora se por um momento eu não te tenho,
morro por abstinência de ti.

Pecados?

Se o pecado faz perder a graça divina,
que percamos então,
não importa se são sete,
percamos sete vezes sete,
e percamos também a compostura,
ditadas de éticas passadas,
e que a volição seja só entrega
a gula de nossos quereres

*Inspirado no poema "Sete Pecados" da
minha amiga Isabel Maria da cidade
do Porto - Portugal

Carência

Desejo teu olhos nos meus e tuas mãos nas minhas,
Desejo teu calor abrigando o frio da tua ausência,
Desejo curar todos teus anseios de mim,
Desejo te ter mulher e tu me teres homem,
Desejo tua boca dizendo que me quer
em compasso com a minha,
Desejo teu corpo atado ao meu em uno ritmo
de movimentos e compreensão,
Desejo teus desejos desejosos dos meus.

Saudade

Sangrando meu coração amanhece
Rasgado de sonhos impossíveis
Cravado de sentimentos não resolvidos
Pedaços mesquinhos e escusos de glorias perdidas
Batalhas mal ganhas

Sangrando meu coração amanhece
Sentindo falta de teu calor palpitante
Só vestígios da vida me restam sem tua presença
Posso até ser o dono mundo, mas não me importa.

Sangrando meu coração amanhece
Quando não amanheces ao meu lado
Sangrando meu coração permanece
Sussurrando tua ausência
Fonemas descarrilados do que fui.

Libido

tenho dado a ti
meu tempo, meu ar
sugo de ti
bons momentos,
seu olhar
seu sussurro
seu suspiro

quero por em ti serpentes
despejar sementes ardentes
sentir em ti
o pulsar latente
pungente da vida crescente
no teu ventre

debruço sobre tua vida
meus desejos

A QUATRO MÃOS

(*Leila Míccolis e Luiz Arthur Silveira)

Tem dias que nasço homem:
berro palavrões
xingo no trânsito,
bato portas,
me embriago nos bares,
me emputeço.
Tem dias que nasço mulher:
esqueço.

Tem dias que nasço mulher:
sou terno e poético
Tem dias que nasço homem:
e permaneço... "

* Isso foi uma brincadeira que fiz com o poema "Dupla Cidadania" da minha amiga Leila Míccolis, ela gostou e rebatizou com o nome "A Quatro Mãos". A primeira estrofe é da Leila, e a segunda é minha. No site da Leila (www.blocosonline.com.br) você pode encontrar mais do seu maravilhoso trabalho.